Não sei como vocês são, mas eu parece que tenho sempre imensas coisas para fazer mas no final do dia continuo com maior parte delas por fazer. Assim, andei a pesquisar os hábitos de pessoas extremamente produtivas. Compilei alguns deles neste post. Espero que consigam pôr em prática alguns deles, e eu também. (O post é super longo, sorry, se não o conseguirem ler todo duma vez gravem nalgum lado, mas vale a pena ler todos os pontos)
Hábitos de Pessoas Extremamente Produtivas | Time for Primping

1. Sair da cama mal acordem

Também são melhores amigas do snooze do telemóvel? Ou então acordam e ficam na cama a ver as notificações que receberam de todas as aplicações durante a noite? Eu sofro bastante desta patologia. Mas a verdade é que estamos a desperdiçar preciosos minutos a não serem produtivas. Saiam da cama imediatamente para começarem o dia sem o stress de estarem atrasadas.

2. Bebam água q.b

Mantermo-nos hidratadas é da maior importância. Eu às vezes sofro de dores de cabeça de desidratação, vocês também podem estar a sentir o mesmo. Se tiverem dores de cabeça, antes de partirem para os medicamentos bebam 1 ou 2 copos de água. Uma maneira de começarem o dia também mais frescas e despertas é beberem água mal se levantam (primeiro casa-de-banho e depois água, eu compreendo). Mantenham sempre uma garrafa com água ao vosso lado e sempre que se distraírem bebam uns goles de água. Vão ver que depois de beberem até ficam mais produtivas.

3. Planeiem o vosso dia

Quantas vezes não se sentam à secretária e passam imenso tempo só a decidir o que têm que fazer? Comecem a deixar 10-15 minutos à noite para planearem as tarefas que têm que fazer no dia a seguir e a qual a prioridade de cada. Definam o vosso game plan para o dia a seguir, para que consigam fazer tudo sem terem que se matar.

Hábitos de Pessoas Extremamente Produtivas | Time for Primping

4. Façam as tarefas mais aborrecidas primeiro

Isto também se chama “eat your frogs first” (já não me lembro quem é o autor(a) desta teoria). Façam a tarefa mais chata e que estão a adiar há não sei quanto tempo mal acordem (e estejam prontas), assim diminuir drasticamente o stress que vos faz procrastinar.

5. Façam as tarefas rápidas imediatamente

Mal se lembrem de uma qualquer tarefa que demore menos de 10 minutos para ser feita, façam-na logo. Assim, não perdem tempo a colocá-la na vossa to-do-list e a lembrarem-se mais tarde de a fazer.

6. Façam uma coisa de cada vez

Todas as mulheres se consideram multi-taskers, mas no que toca a produtividade, não é um bónus. Ao tentarem fazer tudo ao mesmo tempo, estão a perder mais tempo entre passar a atenção duma coisa para a outra, do que se fizessem cada tarefa do princípio ao fim sem distrações. Retribuam todos os telefonemas ao mesmo tempo, enviem todos os e-mails ao mesmo tempo, e tratem dos vossos afazeres sem distrações. Deixem de lado a tentação de estar sempre a ir ao e-mail ver se receberam alguma coisa. No entanto, há tarefas que podem fazer em multi-tasking sem perderem produtividade, como lavar a banca da cozinha e ouvir uma palestra TED.

7. Priorizem a vossa to-do-list

Em vez de fazerem uma lista em que as tarefas não estão por ordem nenhuma para além de a medida em que se vão lembrando das coisas, organizem a vossa to-do list pela ordem do que é mais importante para o que é menos. Por dia não coloquem mais do que realmente conseguem fazer (quantas vezes não chegam ao final da semana com imensas tarefas penduradas por todos os dias da semana que não tiveram tempo de fazer?) Vejam o que precisam realmente de alcançar nesse dia e o que podem espalhar pela semana.

8. Identifiquem as vossas janelas de produtividade

Ninguém é altamente produtivo a todas as horas do dia (pelo menos eu não sou). Normalmente, tem-se 2-3 horas de produtividade 1 a 2 vezes por dia. O importante é identificarem estas janelas e fazerem as vossas tarefas mais importantes ou as que requerem maior atenção. O meu período começa cerca de duas horas depois de ter acordado, por isso é essencial trabalhar nessa altura e guardar todas as outras tarefas para o final da tarde quando já não consigo pensar.

9. Realmente relaxem nos tempos livres

Maior parte das pessoas acham que têm que estar sempre a trabalhar a 200%. Trabalhar é importante, mas se estiverem sempre exaustas e infelizes nada vai correr tão bem como poderia. É importante tirar tempo para recarregar as baterias. A cada 2 horas tirem 5-15 minutos para descomprimirem, afastem-se do vosso posto de trabalho, leiam umas páginas duma revista, joguem um jogo no telemóvel, mandem uma mensagem a algum amigo. Acima de tudo respirem! Nos fins-de-semana e dias livres, deixem mesmo o trabalho de lado e façam coisas que vos relaxem. Saiam com amigos, durmam mais umas horitas (sem desregularem completamente a vossa higiene de sono (sleep hygiene)), mas acima de tudo autorizem-se a não pensar em trabalho.

10. Aceitem as críticas graciosamente

Ninguém gosta de ser criticado, mas a verdade é que toda a gente o é. Em vez de ficarem insultados com as críticas que vos fazem, aceitem graciosamente e mais tarde ponderem se foi uma crítica construtiva ou se foi ignorância/maldade. Se foi uma crítica sem qualquer base de fundamento, sigam em frente e esqueçam. Se foi uma crítica construtiva, vejam o que podem fazer para melhor esse aspeto. Não vale a pena perderem tempo precioso da vossa vida a analisarem todas as críticas que vos fazem, sorriam e sigam em frente.

11. Sejam a vossa prioridade

A verdade é que nós mulheres tendemos a dar prioridade a todas as pessoas na nossa vida e deixa-mo-nos um bocado para trás. Mas o certo é que não somos super-heroínas, não precisamos de fazer tudo e de tratar de toda a gente. Podemos pôr-nos em primeiro lugar! Se nós não estivermos vivas e bem de saúde não conseguimos ajudar ninguém. Comecem a colocar-se em primeiro lugar! Certifiquem-se de fazer todas as coisas pequeninhas, que podem parecer insignificantes, mas que ajudam ao vosso bem-estar, porque no final, todos os pedacinhos são muito importantes.

12. Sejam realistas acerca de quanto tempo demoram a fazer as coisas

Se subestimarem quanto tempo demoram a entregar determinado projeto, ou limpar a casa, vão-se atrasar nos vossos afazeres. Mas, também, se sobreestimarem quanto tempo demoram, também não vão ter a produtividade que podiam. Tentem estimar o melhor possível o tempo que as tarefas demoram e contem com as eventuais pausas e interrupções.
hábitos de pessoas extremamente produtivas

13. Sejam perfeccionistas, mas só quando conta

Se todas as tarefas que fazem, tiverem que estar perfeitas, nunca vão conseguir concluir nada. Tentar alcançar a perfeição com tarefas banais do dia-a-dia pode ser um obstáculo. No entanto, quando os riscos e recompensas são elevados, vale a pena picuinhas com todos os detalhes.

14. Deleguem eficazmente

É verdade que ninguém pode estudar por vocês e que certos trabalhos são da vossa responsabilidade. Mas podem delegar sempre as tarefas domésticas (se viverem com mais gente), as componentes dos trabalhos em grupo, até o estudo para testes pode ficar cada pessoa responsável por saber muito bem uma parte da matéria explicar aos outros. Se gerem uma equipa, então têm que delegar as tarefas de acordo com as capacidades de cada elemento. Não se esqueçam de pedir e agradecer sempre.

15. Apreciem o que fizeram e não stressem sobre o que não fizeram

Toda a gente fica aborrecida quando sabe que podia ter feito alguma coisa melhor do que o que fez. No entanto, águas passadas não movem moinhos. Mantenham a atitude positiva. Olhem para os aspetos positivos, em vez de para as pedras da calçada. Vão se sentir melhor, dormir melhor, logo, estar melhor preparados para serem produtivas no dia seguinte.
hábitos de pessoas extremamente produtivas
“I am not a product of my circumstances. I am a product of my decisions.”
– Stephen Covey

Comments are closed.